O figurino dos Vingadores

O que seria de um filme de super-heróis sem o figurino apropriado? Se o Homem de Ferro não tivesse sua armadura, se o Capitão América não contasse com sua roupa azul, nada seria igual. Por isso, é muito importante o trabalho do departamento de figurino em um filme como Vingadores: A Era de Ultron. Para essa grande responsabilidade, a produção elegeu a ganhadora do Oscar Alexandra Byrne, que havia trabalhado com os super-heróis em “The Avengers: Os Vingadores”. Devido à sua experiência obtida no filme anterior, Byrne pôde idealizar novos trajes e vestuários para cada personagem.
O trabalho para fazer o figurino do Thor é enorme, pois ele é composto por muitos elementos, incluindo metal, mas Byrne já tinha conseguido superar essa barreira antes. Dessa vez, o maior desafio com Thor foi vesti-lo com roupas comuns pela primeira vez. Com a ajuda de Chris Hemsworth, criaram um figurino bem terreno, mas, ao mesmo tempo, com referências à sua origem divina. Foi assim que escolheram um par de jeans e uma camisa bem casual para contrastar com um casaco muito elegante. Robert Downey Jr. queria um visual mais sofisticado para Tony Stark nessa ocasião, e, em vez de fazer apenas um figurino, a produção o levou a uma famosa alfaiataria em Londres e mandou confeccionar para ele cinco figurinos sob medida. Enquanto isso, o Gavião Arqueiro conseguiu um abrigo novo e genial, projetado especialmente para essa nova aventura. Sua armadura também foi redesenhada e, dessa vez, seu figurino ficou com mangas compridas e uma silhueta bem diferente.
Os super-heróis Feiticeira Escarlate e Mercúrio representaram outro desafio para Alexandra Byrne, já que ambos são personagens totalmente novos. Para a Feiticeira Escarlate, ela se baseou na moda e estilos de roupa do leste europeu, visto que a história desses personagens começa lá. Já para Mercúrio, ela desenhou um figurino muito aerodinâmico e atlético, colado ao corpo, capaz de refletir a velocidade extrema do personagem. Nenhum personagem, entretanto, tem mais problemas com vestuário que Bruce Banner: o doutor teme se transformar no Hulk, porque sabe que, quando tudo passar, estará praticamente nu na frente de todos. Para solucionar esse problema, Byrne desenhou algo para evitar que o Hulk passe muita vergonha: calças expansíveis para usar debaixo de suas calças normais. É uma peça de microfibra que se expande quando ele vira o Hulk e se contrai quando volta a ser Bruce Banner. Agora, Hulk só precisa se preocupar com tudo o que vai destruir, e não com suas roupas.