10 fatos para conhecer melhor Stan Lee

Ele é o autor das histórias em quadrinhos mais famoso da história e o verdadeiro pai do Universo Marvel.

Existem aqueles que apenas o conhecem por suas aparições cômicas nos filmes do Universo Cinematográfico Marvel, mas quando se trata de Stan Lee, a história sempre é maior que uma cena. O criador das HQs e super-heróis mais famosos da história tem uma vida fascinante. Te demostraremos em dez fatos chave.
1) Um de seus primeiros trabalhos foi escrever obituários. Talvez isso explique por que tantos de seus personagens morrem e ressuscitam.

2) Aos 19 anos se tornou editor do Timely Comics, companhia que, com o tempo, passou a ser conhecida como Marvel Comics.

3) Criou o universo compartilhado das HQs. Graças a ele, as histórias dos personagens continuaram a se desenrolar em outros títulos, o que permitiu gerar um universo em que todos os personagens convivessem de certa forma.

4) Antes de criar Spider-Man, tinha em mente inventar um personagem chamado “Mosquito-Man” ou “Mosca-Man”. Por sorte soube escolher uma melhor opção e acabou ficando com o homem aracnídeo, um dos super-heróis mais famosos da história.

5) Em seu contrato, tem uma cláusula que exige que ele sempre apareça nos filmes baseados nos super-heróis que ele criou.

6) Aos 88 anos, lhe foi outorgada sua própria estrela na Calçada da Fama em Hollywood. Antes tarde do que nunca!

7) O primeiro personagem que criou foi “The Destroyer”, que estreou no Mystic Comics #6 em 1941. Este era um jornalista americano que noticiava a realidade desde as linhas inimigas durante a Segunda Guerra Mundial.

8) Honra a quem merece honra: Stan Lee figura como produtor executivo em todos os filmes da Marvel, mesmo que não tenha feito parte de nenhuma etapa da produção. Afinal, ele é criador do Universo Marvel.

9) Em 1942 ingressou nas Forças Armadas dos Estados Unidos. Trabalhou consertando telégrafos e equipamentos de comunicação. Depois de um tempo, foi transferido para a divisão de filmagens de treinamentos, onde trabalhou escrevendo manuais e criando caricaturas.

10) Criou o “Método Marvel” para escrever as histórias em quadrinhos. Este consistia em realizar um encontro onde idealizava uma história junto a um artista. Uma vez criada a sinopse, o artista produzia alguns desenhos nas páginas, e após isso, Stan escrevia as tirinhas.